IMPRENSA

Utilize os filtros para encontrar o conteúdo que procura.

  • VOCÊ ESTÁ EM:
  • HOME   ›
  • NOTÍCIAS   ›
  • MAIS CULTURA E MAIS CONHECIMENTO: PROJETO VIDA COM ARTE GANHA UM NOVO ESPAçO DE APRESENTAçõES

MAIS CULTURA E MAIS CONHECIMENTO: PROJETO VIDA COM ARTE GANHA UM NOVO ESPAçO DE APRESENTAçõES

16 de setembro de 2016, 18:46:55 | ,
Teatro Unisinos Porto Alegre

Ser criança é experimentar, conhecer o mundo, aventurar-se em brincadeiras, aprender a conviver com o outro. É cair, machucar-se, e levantar novamente, mais forte. Ser criança é também ter responsabilidades, ir para a escola, fazer a lição de casa. E é, em meio a essa rotina cheia de atividades, que a vida contemporânea reserva até para os menores, que alguns se permitem, por instantes, parar e ouvir uma melodia.

 

Essa é a história de 240 crianças e jovens que escolhem, todas as semanas, retornar ao Vida com Arte. Um projeto, promovido pela Ação Social da universidade com a Orquestra Unisinos Anchieta, que tem por objetivo proporcionar compartilhamento de ideias, fortalecimento de vínculos, acesso à cultura e aprendizado por meio do ensino de música e formação cidadã, em horário em que os participantes não estão na escola.

 

Na capital, o projeto desenvolve as suas atividades em parceria com a Associação Santa Zita de Lucca, que abrange a comunidade do bairro Partenon. No total, 60 crianças e jovens participam do projeto em Porto Alegre. Com a expansão do campus da Unisinos, a universidade estará mais preparada a ampliar as ações que primam pela responsabilidade social e conseguirá transformar a vida de mais crianças. A ampliação da Unisinos impactará no número de pessoas atendidas na capital.

 

O Vida com Arte atende crianças e jovens oriundos da rede pública de ensino de Porto Alegre e São Leopoldo. Atualmente, o coletivo é formado por duas orquestras de cordas, dois grupos de percussão, dois grupos de musicalização e o coral. Para atender a todos, o projeto conta com a atuação de 25 profissionais de diferentes áreas, entre professores instrumentistas, professores de musicalização, psicólogos e uma assistente social.

 

“Ao longo do período em que estão no projeto, é possível identificar uma transformação considerável no desenvolvimento das crianças e dos jovens que dele participam. É uma realidade que alunos que têm problemas na família, na escola, de aprendizado tenham dificuldade em estabelecer vínculos sólidos, por se encontrarem sem bases concretas em muitos momentos. E o projeto proporciona isso, o fortalecimento de elos familiares e comunitários. Nós percebemos a mudança, a família e os professores também”, destaca Evandro Matté, maestro e diretor artístico da Orquestra Unisinos Anchieta.

 

Para Matté, o principal valor da cultura é proporcionar uma formação que engloba diversas áreas interrelacionadas. “A formação integral do ser humano, um dos principais valores jesuítas, e que eu defendo muito, não é realizada somente por meio da educação. Ela se dá por um somatório de educação e cultura. A educação te proporcionará o conhecimento, mas será a cultura que te provocará a pensar”, salienta.

 

O objetivo do projeto é criar novas oportunidades por meio da música. Da leitura de partituras a cantorias, os jovens se desenvolvem integralmente. Além de aspectos técnicos da música, fazem disciplinas de formação cidadã, em que se trabalham questões como solidariedade, capacidade individual, superação dos próprios limites e autoestima.

 

Novo Teatro
Pensar em um novo espaço de cultura é acreditar no aprimoramento constante do conhecimento. Com a expansão do campus POA, a Orquestra Unisinos Anchieta e o projeto Vida com Arte ganham mais uma casa, e a Unisinos entrega à capital gaúcha um espaço cultural, que vem para atender variadas demandas.

 

“A ampliação do campus da Unisinos em Porto Alegre e a construção do novo teatro possibilitará que a universidade intensifique a sua responsabilidade social e a inclusão cultural, seja em áreas em que já é atuante, como a Orquestra Unisinos Anchieta e o coral, como em outras frentes”, afirma Matté. Segundo ele, está no escopo da universidade estabelecer parcerias com diversos setores da cena cultural gaúcha: ações sociais, culturais e empresariais.

 

Ambiente inédito no Brasil, dispõe de um projeto arquitetônico inovador, que pode assumir um aspecto tanto de concerto, acolhendo 445 pessoas, quanto de um teatro italiano, para 600 espectadores. O teatro da Unisinos terá à disposição uma gama de equipamentos de última geração em condições técnicas e estruturais de luz e som. “Com uma estrutura que permite a abertura de um espaço externo, a ideia é que, em espetáculos pontuais, crie-se oportunidades de aproveitamento do espaço e do conteúdo, de forma gratuita, a toda comunidade acadêmica. É uma forma de colocar o nosso aluno em contato com a cultura”, frisa o maestro.

 

Orquestra Unisinos Anchieta
Fundada em 1996, pelo Maestro José Pedro Boéssio, a Orquestra Unisinos Anchieta realiza uma programação artística diversificada, de maneira a atender diferentes públicos e estimular a renovação de ideias, abordagens e leituras. Sob direção artística e regência do maestro Evandro Matté, a Orquestra tem como preocupação garantir o acesso à música de concerto, e também a outras linguagens vinculadas às raízes musicais brasileiras e ao repertório de importantes compositores populares. A Orquestra entrega ao público o diferencial de espetáculos com inclusão de artes performativas, como teatro, dança e artes plásticas.