Arquivos da categoria ‘Sem categoria’

Segue a lista de projetos concluídos em 2014 pelo Observatório de Educação:

Doutorado

UNISINOS

Levantamento da situação escolar em sistemas municipais de ensino do Rio Grande do Sul: uma determinação política de financiamento do ensino público e/ou ferramenta de gestão?Jesus Rosemar Borges

Ampliação do tempo escolar: uma política no contexto da prática escolar no Brasil e na Argentina  – Jorge Alberto Lago Fonseca

Avaliação externa como estratégia de gestão dos processos educacionais: uma análise de políticas municipais no Rio Grande do Sul  – Sônia Maria Oliveira da Rosa

Mestrado

UNISINOS

A Reforma Educacional no Ensino Médio no Rio Grande do Sul em tempos de hegemonia neoliberal: um estudo a partir do contexto da práticaAline Aparecida Martini Alves

Movimentos de apropriação do IDEB na gestão escolar em duas escolas da rede pública estadual em Porto Alegre/RSJanaína Audino

Qualidade na Educação: um estudo de caso do Colégio Estadual Augusto Meyer, no município de Esteio/RSLuiz Felipe Kingeski

URI

Educação Infantil, do Direito à Obrigação: caminho para a qualidade?Emanuele Froner

Políticas do Ensino Fundamental a luz da lei 11.274/2006: Condições de implantação em um município do norte do Rio Grande do Sul  – Karine Seidel da Rosa

UNESP

Avaliação em larga escala e qualidade de ensino: análise a partir de modelos de gestão de escolas públicas municipais – Thiago Bittencourt de Souza

Graduação

Trabalho de Conclusão de Curso

UNISINOS

“Um pacto pela aprendizagem: todos têm o direito de aprender” – uma política educacional intersetorial do município de Novo Hamburgo/RS  – Cristiane de Souza Rosa

UNESP

Administração escolar no Brasil e Sociedade de controle: o paradigma multidimensional e a teoria das multiplicidades Paulo Henrique Costa do Nascimento

A construção do conhecimento em administração escolar na perspectiva de Vitor Henrique Paro  – Fabio Silva Ortega

UNIOESTE

Uma análise do currículo do ensino fundamental brasileiro e suas relações com a avaliação em larga escala desenvolvida pelo MEC e INEPGreiciane Pereira

A avaliação educacional em larga escala no sistema de ensino da Argentina e do BrasilJane Kelly de Freitas Santos

Realizou-se na Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Auditório Central, dias 8 e 9 de outubro, o XII Fórum Permanente Indicadores de Qualidade e Gestão Democrática debatendo as interelações entre a pesquisa, a gestão da educação e o Plano Nacional de Educação 2014 – 2024, Lei no. 13.005/2014.

A discussão da educação no Brasil vem envolvendo toda a sociedade, mobilizando inúmeros grupos de pesquisa interessados em compreender os mecanismos de avaliação, qualidade do ensino, processos de regulação e planejamento educacional.

O projeto “Indicadores de Qualidade e Gestão Democrática”, realizado no período 2011 – 2014, organiza-se na forma de rede da qual participam pesquisadores de Programas de Pós-Graduação de cinco Universidades quais sejam UNESP/Marília, UNIOESTE/Foz do Iguaçú, UPF e URI além da Unisinos onde se situa sua coordenação. Por quatro anos a pesquisa inspirou a todos que somam mais de 100 pessoas nesta rede de compartilhamento, descoberta, estudo e debates. Uma rede que se envolve com a produção do conhecimento e com a formação de pesquisadores agrupando alunos de graduação, professores de educação básica, mestrandos, doutorandos, pós-doutorandos e outros professores colaboradores.

 

Entendendo a relevância de realizar pesquisa na interlocução entre as Universidades e com os sistemas de ensino, os colegiados e as direções de escola, os professores e o conjunto de membros das comunidades escolares, o Projeto “Indicadores de Qualidade e Gestão Democrática” traçou e cumpriu, desde o seu início em 2011, o compromisso de realizar momentos abertos de debate aos quais chamou de Fórum Permanente.

 

Nos dias 8 e 9 de outubro de 2014, o XII Fórum Permanente constituiu-se em atividade de culminância deste projeto, atendendo aos seguintes objetivos:

         Integrar e ampliar as redes de pesquisa entre a graduação e os programas de Pós-Graduação assim como aproximar e fortalecer o diálogo entre pesquisadores, gestores de sistema/unidade escolares em busca de uma educação de melhor qualidade

         Debater achados de pesquisa juntamente com docentes, gestores de sistemas e equipes diretivas de escolas públicas fortalecendo os vínculos entre a pós-graduação e as redes, entre pesquisa e prática educacional.

         Discutir o Plano Nacional de Educação em suas implicações na gestão, na qualificação da educação e na pesquisa.

 

O evento teve a participação de 300 pessoas entre coordenadores de curso de licenciatura da UNISINOS, alunos da Graduação e pós-graduação, secretários municipais de educação, membros de Fóruns Municipais de Educação, Conselhos Municipais de Educação e Conselhos Escolares, representantes de Coordenadorias Regionais de Educação, Diretores de Escola, Supervisores, professores e pais, com presença de escolas públicas municipais, estaduais e estabelecimentos privados. Estiveram representados 22 municípios dentre: Nova Petrópolis, Dois Irmãos, Capela Santana, Linha Nova, Porto Alegre, Sapucaia do Sul, Esteio, Campo Bom, Passo Fundo, Três Coroas, Carazinho, Portão, Picada Café, Triunfo, Novo Hamburgo, Frederico Westphalen, Gravataí, Canoas, São Leopoldo, Marilia/SP, Pompéia/SP, Foz do Iguaçu/PR. No evento foram debatidos temas como financiamento da educação, gestão educacional, valorização do professor, influência de organismos internacionais, evasão escolar, qualidade da educação, indicadores educacionais e planos de educação. A conferencia de abertura sobre o Plano Nacional de Educação e a qualidade da educação foi proferida por Paulo Egon Wiederkehr seguida da intervenção de Ricardo Falzetta discutindo as expectativas e ações de acompanhamento do PNE. Foram realizados quatro painéis com a presença dos professores Dra. Berenice Corsetti, Dra. Rosangela Fritsch, Dra Rosimar Esquinsani, Dra. Edite Sudbrack, Dra. Graziela Abdian, Dr. João Jorge Correa e Dra. Flavia Werle. O evento foi encerrado com uma mesa redonda com a participação do Secretário Municipal de Educação de São Leopoldo e com os representantes dos secretários de educação dos municípios de Marília/SP e Passo Fundo/RS.

O sucesso do XII Fórum deveu-se à dedicação, empenho e contribuição de muitas pessoas e à colaboração de várias entidades às quais agradecemos. Apoiaram este evento o SICREDI, as Escolas Públicas Estaduais de São Leopoldo Olindo Flores, Polisinos e Caíque Madezatti, a EMEI Meu Cantinho/NH, as doceiras Teresinha, Tatiane e Lourdes/NH, a Fábrica de Doces Tutti Frutti de Caxias do Sul, a Secretaria Municipal de Educação de São Leopoldo, a SEMAE/SL, e vários setores da UNISINOS, incluindo a TV Unisinos, a equipe do IHU, o Curso de Pedagogia da UNISINOS, o Mestrado Profissional em Gestão Educacional, o Programa de Pós-Graduação em Educação da UNISINOS, graduandos, mestrandos, doutorandos e pós-doutorandos vinculados ao núcleo em rede Indicadores de Qualidade e Gestão Democrática e ao Observatório de Educação Inep/Capes.

O evento se constituiu num momento privilegiado de socialização da pesquisa promovendo debates com os educadores que acederam ao convite que os membros deste projeto lhes fizeram. Assim todos os Programas de Pós-Graduação envolvidos neste núcleo em rede de alguma maneira declararam que pesquisa se faz em coletivo, que pesquisa se faz no diálogo com as redes de ensino, assim como pesquisa se faz participando de eventos científicos, publicando artigos e livros.

DSC07905

Nos dias 14, 15 e 16 de abril de 2014, estiveram presentes no IV Congresso Ibero Americano de Política e Administração de Educação /VII Congresso Luso-Brasileiro de Política e Administração da Educação, as professoras Flávia Obino Correa Werle, Rosangela Fritsch, Berenice Corsetti e Maria Teresa Cauduro. O Congresso ocorreu em Porto/PT e  teve como tema as Políticas e Práticas de Administração e Avaliação na Educação Ibero-Americana. Foi promovido, em regime de co-participação, pelo Fórum Português de Administração Educacional ( FPAE), Fórum Europeu de Administradores da Educação do Estado Espanhol (FEAE), Associação Nacional de Política e Administração da Educação (ANPAE), Fórum Internacional de Política e Administração da Educação (INTEREDUC), no período de 14 a 16 de abril de 2014, na Escola Superior de Educação (ESE) do Instituto Politécnico do Porto (IPP).

A professoras participantes tiveram trabalhos apresentados e publicados. A professora Flávia Obino Corrêa Werle atuou também como parte do Comitê Científico e foi coordenadora de um grupo de trabalho.

Para acessar as publicações das professoras neste evento acesse:

UMA POLÍTICA EDUCACIONAL EM CONTESTAÇÃO: O ENSINO MÉDIO POLITÉCNICO NO RIO GRANDE DO SUL/BRASIL

DO PROGRAMA PROUNI À PÓS GRADUAÇÃO: UM ESTUDO DE CASO NA URI – FW – BRASIL

O PROFESSOR EM FORMAÇÃO: O PIBID NO CONTEXTO DA POLÍTICA NACIONAL DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES

No dia 18 de junho ocorreu na Sala Conecta na Unisinos, uma reunião com vídeo conferência. Estavam presentes Carmen Koetz, Maria Teresa Cauduro, Jauri Dos Santos, Sônia Rosa, Márcio Carvalho, Cleonice Rocha, Ricardo Vitelli, Evandro da Silva, Flávia Werle e Arthur Berwanger e Juliana Pasini.

Para mais fotos acesse a nossa página no Facebook.

10492449_811320855568214_5320073430764678120_n

 

Iniciaram no dia 18 de junho, as preparações para o XII Fórum Permanente Indicadores de Qualidade e Gestão Democrática: Implicações na Gestão da Educação. A reunião contou com a presença do Secretário Municipal de Educação de São Leopoldo, Luís Arthur de Bitencourt, da Assessora de Planejamento da SMED de São Leopoldo, Prof. Ms. Cristiane Roos, da Coordenadora do PPG em Educação da Unisinos, Prof. Dr. Eli Fabris e da Coordenadora do Observatório de Educação INEP/CAPES, Prof. Dr. Flávia Obino Corrêa Werle.

 

10366025_807609185939381_7083984653961659631_n