0 Comentário em 13 - maio - 2019

Em lembrança ao dia 13 de maio, abolição da escravatura no Brasil, o Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indígenas NEABI Unisinos publica a poesia da filosofa Renata Mouray.

Confira o texto abaixo:

Treze de Maio

Uma data histórica que dizem que a princesa aboliu e no dia seguinte o que poderia ser política essa ideia também sumiu.
A Lei da libertação que deixou o povo com uma grande interrogação.
Sem terra, sem direito, sem política e sem educação.
Porque tenho que ser escrava de condição?
Mas sabe também entendo de religião, umbanda e nação.
Me seguro no axé dos pretos velhos e vivo a inclusão.
Porque treze de maio é dia dos pretos velhos.
Mas afinal qual era a discussão?
A lembrei era sobre a Lei da libertação.

(Renata Mouray)

 

categorias: Destaque, Reflexão

Deixe uma resposta