Núcleo gaúcho formado para articular e promover os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio(ODM).

nos podemos

Ocorreu nesta sexta-feira na sede da FAMURS em Porto Alegre a 1ª Reunião do Comitê do Rio Grande do Sul “Nós Podemos”, o evento contou com a participação de representantes das mais diversas entidades gaúchas, entre elas:

FAMURS – Federação das Associaçãoes de Municípios do Rio Grande do Sul, Banco do Brasil, BRDE – Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, Curso de Serviço Social – Unisinos, Curso de Administração – Unisinos, IHU – Instituto Humanitas – Unisinos, Fórum RS – Fórum Permanente de Responsabilidade Social, SPM – Secretaria do Planejamento Municipal – Porto Alegre, Federação Unimed/RS, FEE – Fundação de Economia e Estatística, ObservaPoa – Observatório de Porto Alegre,  CONSEG – Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável do RS, COEGEMAS  – Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social, MSS – Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho, COSANS – Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável, Poder Executivo de Pinhal, Ong – Grupo  Ecologico Alerta Verde, Clube de Mães Santa Catarina – Porto Alegre, Prefeitura de Porto Alegre, Prefeitura de Santana do Livremento, Assembleia Legislativa, ECT – Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, Secretaria de  Desenvolvimento e Turismo – Gravatai, Secretaria Municipal de Assistência, Cidadania e Inclusão Social – São Leopoldo.

Em uma reunião suprapartidária foram discutidas metodologias para a implantação do Comitê gaúcho “Nós Podemos” e realizado a escolha de sua Secretaria Executiva. O encontro proporcionou uma troca de informações e experiências, que serviram de subsídios para os planos de articulação e mobilização do Comitê.

Espera-se que, pela ação conjunta dos vários atores sociais, os indicadores de resultados de todos os Objetivos do Milênio reflitam significativas melhorias na qualidade de vida do povo gaúcho.  A combinação de esforços coletivos das entidades públicas e privadas possam proporcionar uma redução no atual quadro de desigualdade existente no país.

Postagem: Fórum sobre Indicadores socioeconômicos e políticas públicas: realidades e possibilidades para o Vale do Rio dos Sinos.

Deixe uma resposta