Foto: Luana Taís Nyland

O XIII Simpósio Internacional IHU “Igreja, Cultura e Sociedade” propiciará o diálogo com a modernidade e o desafio de analisar criticamente a semântica que ajudaria hoje a instituição eclesial a dialogar com as mulheres e os homens da sociedade contemporânea, no ambiente cultural por ela formado, de forma a possibilitar que a fé cristã possa tornar–se experiência viva em meio às condições e possibilidades do existir humano hodierno e, assim, se constituir como referência de sentido para a vida em sociedade.
.
Esse foi o tema principal abordado na tarde de quinta-feira (31/05) num Café Teológico realizado pelo Instituto Humanitas Unisinos – IHU para apresentar as propostas do evento que ocorrerá entre os dias 02 a 05 de outubro para debater a Semântica do Mistério da Igreja no contexto das novas gramáticas da civilização tecnocientífica. Uma das questões fundamentais será: Como propor uma nova visão com a tecnologia, unindo Igreja, cristianismo e midiatização, assim colocando a teologia pública em debate?
.

Foto: Luana Taís Nyland

Também foi abordado, nessa tarde, alguns temas do Congresso Continental de Teologia que ocorrerá nos dias 07, 08, 09, 10 e 11 de outubro. Esse evento propõe dialogar sobre os 50 anos da inauguração do Concílio Vaticano II e os 40 anos da publicação do livro Teologia da Libertação. Perspectivas, de Gustavo Gutiérrez, que inaugura a rica trajetória da teologia em nosso continente.
.
Para fazer a inscrição para o XIII Simpósio Internacional IHU, clique aqui.
Para fazer a inscrição para o Congresso Continental de Teologia, clique aqui.
.

Confira mais fotos do Café Teológico.

Deixe uma resposta