O dia da votação para a eleição de prefeitos e vereadores está próximo, fazendo com que campanhas e debates estejam cada vez mais intensos. Este ano, além de polêmicas, como com o candidato à prefeitura paulistana pelo PRB, Celso Russomano, outra questão está dando o que falar: a campanha eleitoral nas redes sociais.

As propagandas partidárias iniciaram no dia 05 de julho e foi autorizado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a campanha na internet. Desde então, candidatos divulgam suas ideias e usuários manifestam suas críticas, principalmente, no Facebook e no Twitter. Muitos grupos, inclusive, foram organizados para as reclamações de manifestantes contrários à propaganda política nas redes.

Para saber a opinião dos internautas, o IHU lançou na página do Facebook a pergunta “O que você acha da campanha eleitoral nas redes sociais? Ajuda a conhecer o candidato e na escolha do voto ou apenas polui a timeline?”. Confira alguns comentários:

Mauro Costa Assis
Acho que ajuda a conhecer, e é um meio acessível aos que dispõem de menos dinheiro…

Vanessa Florargen
Apenas polui a timeline. Pra saber ao máximo quem é o candidato, deve-se pesquisar e não aceitar as ideias que são impostas pela campanha eleitoral.

Jean José
Ajuda e muito, pela televisão não poder “Curtir” ou “compartilhar” as boas propostas, e muito menos interagir!

Fernanda Schmidt
Acho que as redes sociais também podem ser usadas com esse propósito. Se servem para falar de moda, tempo, decoração, esportes, também servem para falar sobre política. O importante é que seja usada com moderação e que não invada o espaço do outro. Acho bacana quando um candidato posta suas propostas (com moderação). Imagens e postagens sem conteúdo são dispensáveis.

Cássio Toledo
Acho que ajuda a conhecer, desde que seja feita com equilíbrio, sem fazer ofensas pessoais e morais.

Fatima Soares
Se só publicassem perfil de candidatos até seria viável, mas o q vejo são pessoas q mostram fanatismo ideológico e q as vezes se torna até agressivo, postando exageros e opiniões ofensivas a quem possa pensar diferentemente!!!

Ronaldo Henn
O que eu acho interessante é o acompanhamento dos eleitores sobre o comportamento dos candidatos e partidos na campanha compartilhado nas redes. Isso sim é um dado novo nesse processo.

Arthur Schreiber
Eu sou a favor, desde que haja uma certa pausa entre um post e outro. Tem candidato que ta igual àqueles adolescentes que postam figuras em sequencia e lotam a tua pagina de notícias. Uma vez por dia, com discrição, faz a gente lembrar deles e ver as propostas. Mais que isso é apelação e desespero.

Rafaela Kley
Melhor poluição na timeline, do que poluição nas ruas (sem contar a sonora). É válida sim a propaganda política nas redes sociais, mas acredito que seja pouco efetiva. Poucos são os que realmente se interessam. Quem está ativo, quase sempre, tem interesse em fazer propaganda barata, ao invés de realmente debater algo.

Deixe sua opinião aqui no blog também!

Por Mariana Staudt

Uma resposta

  1. Christiano Fossari Fernandes disse:

    Eu acredito que as Redes sociais são essenciais para redimir o que a mídia paga faz com a maioria dos seus canais de jornalismo comprometidos com a verdade.

Deixe uma resposta