Faleceu Jean-Yves Calvez

Em janeiro 11, 2010 Comentar

Faleceu hoje, em Paris, Jean-Yves Calvez.

Jesuíta, foi um dos maiores especialistas na Doutrina Social da Igreja.

Calvez foi autor de inúmeros livros, entre eles, foram publicados no Brasil: Política. Uma Introdução. Ática, 1997; A Economia, o Homem, a Sociedade. Loyola, 1995.

Por ocasião da publicação da encíclica Caritas in Veritate de Bento XVI, a revista IHU On-Line, 13-07-2009, o entrevistou.

Para ler a entrevista, clique aqui.

As Notícias do Dia do sítio do IHU,  no dia 25-10-2006, publicou uma entrevista com ele intitulada “A análise marxista do capitalismo não caducou“.

No Brasil, o jesuita francês se tornou conhecido por sua obra sobre O Capital de Karl Marx.

Frei Beto, no livro A Mosca Azul. Reflexão sobre o poder, escreve:

“Cheguei a dar aulas de marxismo eu, frade dominicano a militantes da Ação Popular (AP) em São Paulo. Acolhia o grupo aos sábados na biblioteca do convento e, tendo à mão as obras do jesuíta Jean-Yves Calvez, explicava-lhe materialismo histórico e materialismo dialético, infra e superestrutura etc. Pode parecer estranho utilizar o texto de um padre francês para ensinar marxismo. Mais tarde, no Presídio Tiradentes, em São Paulo, onde me confinaram pouco mais de um ano, eu veria os próprios comunistas recorrerem a Calvez para as classes de marxismo. Sua obra é de tamanha honestidade intelectual que, ao apresentar a teoria de Marx, o faz com uma isenção que não admite preconceitos, embora adiante procure contestar um a um aqueles argumentos”.

Deixe uma resposta