A partir desta sexta-feira, 26, até o próximo domingo, 28 de agosto, o Centro Mariápolis, em São Leopoldo (RS), será sede do Mutirão Ecumênico – Sulão VI. O evento é uma promoção do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic), da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e do Conselho Latino-Americano de Igrejas (Clai).

A proposta é reunir pessoas interessadas na promoção do ecumenismo sob a ótica da defesa da Criação divina, a partir de uma reflexão sobre a temática “Unidos em Cristo na defesa da criação”. O Mutirão compreende os Estados do sul do BrasilRS, SC e PR – mais São Paulo.

A partir dessa temática, a Revista IHU On-Line desta semana traz em seu tema de capa O ecumenismo hoje. Uma reflexão teoecológica. Os palestrantes do Mutirão colaboram no debate: o teólogo Erico Hammes, professor da PUCRS, o teólogo especialista em ecumenismo e sacerdote católico Paulo Homero Gozzi, o teólogo e assessor do moderador do Comitê Central do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), Marcelo Schneider, e o ecologista Arno Kayser.

Também colaboram nessa edição o bispo anglicano Dom Francisco de Assis Silva, o pastor luterano Walter Altmann, o bispo católico Dom Manoel João Francisco, o monge beneditino Marcelo Barros, o leigo metodista Anivaldo Padilha, a teóloga metodista Nancy Cardoso Pereira e o teólogo luterano Haroldo Reimer.

Em 2010, a partir da proposta ecumênica Tempo para a Criação, o Instituto Humanitas Unisinos publicou uma série de subsídios para a reflexão acerca da Criação como dom de Deus. Além disso, a Revista IHU On-Line e o sítio do IHU já publicou diversos outros artigos que contemplam o debate ecológico e ecumênico a partir de um ponto de vista teológico. Confira alguns deles abaixo.

Para ler mais:

Deixe uma resposta