Arquivos da categoria ‘Publicações’

O Censo 2010, recentemente publicado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE,  dá uma ideia mais concreta sobre o país em que vivemos, inclusive no campo religioso. As significativas mudanças no mapa religioso ganharam destaque no Instituto Humanitas Unisinos – IHU, rendendo diversas entrevistas do dia e uma edição na revista IHU On-Line.

A edição número 43 dos Cadernos IHU em formação, intitulada “A grande transformação no campo religioso brasileiro”, que compila esse material, já está disponível para download no sítio do IHU. Entre os entrevistados, destaca-se o professor Faustino Teixeira, docente do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Religião, da Universidade Federal de Juiz de Fora – UFJF, que comenta que a diminuição da declaração de crença católica vem se acentuando há mais tempo.

“Se observarmos os dados dos últimos censos, a tendência da diminuição da declaração de crença católica é nítida: 1970 (91,1%), 1980 (89,2%), 1991 (83,3%), 2000 (73,6%) e 2010 (64,6%). E as projeções estatísticas indicam que até 2030 os católicos terão um índice menor que 50% e em 2040 ocorrerá um empate com o grupo evangélico”, constata Teixeira.

Confira essa e outras entrevistas aqui. Boa leitura!

“Um evento é sempre muito mais importante do que os textos produzidos durante ele. O encontro de pessoas, as conversas informais, a convivência, as celebrações e os debates… dificilmente podem ser traduzidos em textos. Por isso, entre ler um livro, resultado de um evento, e participar diretamente dele, o mais importante é sempre estar fisicamente presente”, escreve Agenor Brighenti, coordenador da Comissão Organizadora do Congresso Continental de Teologia, que se realizou na Unisinos entre os dias 7 e 11 de outubro de 2012.

Apesar de ideal, a presença física não é uma realidade para todos. Por isso, como maneira de transmitir as ideias abordadas durante os dias do congresso, já está disponível o livro que compila trabalhos científicos previamente selecionados pela comissão organizadora. Os artigos encontrados nessa publicação foram apresentados para os congressistas e estão divididos nos quatro eixos temáticos propostos: Novas interpelações e perguntas, Hermenêuticas cristãs, Práxis e mística, Perspectivas para a teologia.

O livro está dividido em dois volumes que estão disponíveis para download no sítio do Instituto Humanitas Unisinos – IHU. Confira!

Para ler mais:

O debate e a reflexão sobre a concepção sociocultural é de extrema importância para que possa haver uma compreensão de onde estamos, do porque estamos e de como se dão os processos sociais inseridos em nossa vida.

Conhecimento é poder. Ele faz com que sejamos melhores protagonistas das oportunidades que temos e faz com que fiquemos mais preparados para a vida. De acordo com o Dr. Marcelo Leandro dos Santos, “Quando se está fora, ou mesmo à margem, de processos de conhecimento técnico, automaticamente se está fora e à margem do poder”.

Quando pensamos em poder, nem sempre é preciso considerar o governo de nações ou a presidência de grandes corporações. Às vezes, as pessoas só querem ter o poder sobre suas próprias vidas e seu sustento. Quanto a isso os projetos de economia solidária são de grande valia, pois auxiliam tanto grupos pequenos como comunidades inteiras a se mobilizar e a gerar renda.

Relatos e análises de estagiários e técnicos do Programa Tecnosocias, programa do IHU, foram reunidos na edição nº 41 dos Cadernos IHU, Olhares multidisciplinares sobre economia solidaria, visando teorizar e contribuir para a discussão da economia solidária, dos projetos já feitos e da prática em si.

Os Cadernos IHU podem ser adquiridos na Livraria Cultural, no campus da Unisinos ou pelo endereço livrariaculturalsle@terra.com.br. Informações pelo fone 55 (51) 3590 4888.

A versão completa da edição no. 41 estará disponível no site do IHU a partir de 21 de janeiro de 2013 para download em formato PDF.

Por Wagner Altes

A 181ª edição do Cadernos IHU Ideias traz “Apátridas e refugiados: direitos humanos a partir da ética da alteridade”, de Gustavo Oliveira de Lima Pereira.

O texto analisa a atual crise europeia a partir de seus traços xenofóbicos, mas que não se reduzem à Europa. A ancestralidade desse fenômeno, destacada por Emmanuel Levinas, provoca o pensamento contemporâneo a cada vez mais reconsiderar seus fundamentos no que se refere a direitos humanos. “Tal entrave definitivamente não faz parte do passado, e por isso uma reflexão nessa direção se revela pertinente. Apesar de os discursos humanitários aparentemente seduzirem apenas poucos homens de boa vontade, ainda se acredita em uma ruptura da racionalidade totalizante e do mero discurso inerte que se detém a averiguar os mecanismos de eficácia dos direitos fundamentais, abdicando totalmente da discussão anterior, que seria o seu fundamento”, escreve Pereira.

As figuras do apátrida e do refugiado, presentes no mundo ocidental, reestabelecem a discussão sobre fundamentos dos direitos humanos. “O que se espera é, de algum modo, o desenvolvimento de uma racionalidade apátrida. Desprovida de territorialidade. Na lacuna da razão intransigente, brota uma razão transitante, transvalorativa. Que reluz o amparo da racionalidade nômade, híbrida, que se realoja a cada tentativa de totalidade. Que escapa no vão da percepção englobadora. Que se alimenta da diferença. Do estranhamento. Que busca amparo no refúgio. No que não é óbvio. Que mantém sóbrio o horizonte de um mundo ainda possível.”

Gustavo Oliveira de Lima Pereira é doutorando em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS, mestre em Direito pela Unisinos e especialista em Ciências Penais pela PUCRS. É professor de Direito Internacional nessa instituição e professor-convidado de Direitos Humanos no Curso de Relações Internacionais da Escola Superior de Propaganda e Marketing – ESPM e na Faculdade de Filosofia do Instituto de Desenvolvimento Cultural – IDC.

Os Cadernos IHU Ideias podem ser adquiridos na Livraria Cultural, no campus da Unisinos ou pelo endereço livrariaculturalsle@terra.com.br.
Informações pelo fone 55 (51) 3590 4888.

A versão completa desta edição estará disponível a partir de 14 de janeiro de 2013 para download em formato PDF.

<br/><a href="http://oi45.tinypic.com/29cmneu.jpg" target="_blank">View Raw Image</a> Em 2010, foi realizado numa parceria do PPG de História da Unisinos com o IHU o XII Simpósio Internacional IHU – A experiência missioneira: território, cultura e identidade, em comemoração aos 400 anos da Companhia de Jesus. Em suas conferências e mini-cursos foi possível ter acesso a um melhor entendimento do contexto de funcionamento das missões jesuíticas, bem como as características dos povos que os jesuítas conheceram e catequizaram

Organizado por Luiz Fernando Medeiros Rodrigues e Marluza Marques Harres, professores do Programa de Pós-Graduação em História da Unisinos, o livro A experiência missioneira: território, cultura e identidade, reúne os textos dos conferencistas que estiveram presente no XII Simpósio Internacional.

O livro já está disponível e pode ser adquirido na Livraria Cultural, pelo e-mail contato@culturalstore.com.br ou pelos telefones (51) 3590-4888 / 3590-4827   

Clique aqui para ter acesso à publicação referente ao conteúdo do Simpósio e dos mini-cursos do evento.

Para ler mais